Image Map

Resenha - O Livro de Cam


Livro: O Livro de Cam
Autora: Lauren Kate
Editora: Galera Record
Páginas: 304
ISBN: 978-85-01-09937-2
Pontuação: ★★★★



Fiquei tão feliz quando a autora anunciou um livro sobre o futuro do Cam! Achei super injusto o final que ela deu a ele no último livro da série Fallen, todo mundo ficou né.


As páginas são amareladas, a fonte é okay, a capa linda e maravilhosa bem ao estilo Fallen haha (amo), tem vinte capítulos e um prólogo. Os capítulos são narrados intercalando entre Cam e Lilith, e os momentos que se passam três mil anos atrás são narrados por ambos.

(páginas)


(capítulos)

Cam e Lilith se conheceram três mil anos atrás quando Dani e Liat (Luce e Daniel) estavam se apaixonando mais uma vez. Uma mortal ruiva e bela, uma garota gentil, doce e apaixonada por músicas. Cam se apaixona por ela, uma mortal, no primeiro momento. Lilith então estava perdidamente apaixonada. Mas algo aconteceu para quebrar essa paixão...
Três mil anos depois, Cam ainda pensa na força de Daneil e Luce que lutaram com garras por anos pelo amor um do outro, e agora estavam finalmente recomeçando do zero juntos. Cam nunca pensou em encontrar o amor novamente, mas uma leve mudança em suas azas o faz procurar informações de seu antigo amor já morto, e então ele descobre que Lilith está presa nas garras de Lúcifer no inferno, no purgatório.


Lilith está presa dentro de seu próprio inferno durante esses três mil anos. Um inferno onde ela nunca é feliz ou tratada como pessoa. Lúcifer lhe lançou uma maldição onde ela vive uma vida miserável e infeliz, e toda vez que ela morre renasce em uma nova vida mais infeliz e miserável ainda, porém ela nunca se lembra de nada sobre como ela foi parar ali, quem é Cam e sobre sua vida verdadeira de três mil anos atrás antes de para no inferno.
Com um pacto com o Diabo, Cam aceita fazer Lilith se apaixonar por ele novamente dentro de quinze dias, ou então Cam terá que sofrer as consequências nas mãos de Diabo assim como Lilith. Mas não será tão fácil quanto parece, Lilith está com ódio, com raiva e muito rancor, sentiu isso em todas as suas vidas, mas sempre sentiu que todo esse ódio e rancor não eram dirigidos a sua vida infeliz, mas sim a outra coisa.


Eu esperava muito mais desse livro. Não me decepcionei por completo, mas não da pra evitar uma pontadinha de decepção. A história é muito parecida com a de Luce e Daniel. A maldição que Lúcifer jogou em Lilith a fazendo nascer toda vez que morre em uma nova vida (a diferença é que Luce não era maltratada e revivia depois de dezessete anos, já Lilith revivi logo assim que morre), a batalha de Cam para recuperar seu amor e quebrar a maldição... Muito repetitivo, achei que a autora não teve muita criatividade para esse casal.


Outra coisa que me incomodou (apesar de não ter sido um GRANDE incomodo) foi a mudança da personalidade de Cam. Em nenhum momento desse livro ele é o Cam que conhecemos nos quatro livros da série Fallen. Ele ta mais para Daniel do que Cam! Sua personalidade mudou um pouco, seu jeito mudou, as coisas que ele fala (que o Cam que conhecemos jamais diria, pelo menos não na frente de pessoas)... Em fim, totalmente diferente do badboy rebelde que conhecemos. Claro que por trás da rebeldia e seu jeito badboy ele tem um lado doce e gentil, porém a autora eliminou completamente o badboy e rebelde que ele é. Eu vi mais um Daniel ali do que o Cam.


Lilith é uma personagem difícil, felizmente seu caráter, personalidade e seus humores se tornaram impossíveis compará-la com Luce, porque se não esse livro seria mais um Daniel e Luce do que Cam e Lilith! Lilith tem esse ódio todo, essa raiva e rancor, porque apesar de não lembrar ela sabe que algo aconteceu que a fez ficar com esse ódio, e por isso se torna super difícil a aproximação de Cam. Sua vida é uma merda, sofre Bullying, é pobre e quase vive morrendo de fome, mas apesar disso tudo ela a música que é a única coisa que a faz feliz. Apesar de sofrer tanto ela tem uma força extraordinária, é uma pessoa decidida e apesar de sentir sempre o ódio dentro de si ela ainda tem uma parte pura e bondosa em seu coração. Nos capítulos que mostram ela três mil anos atrás, vemos uma grande diferença de personalidade, a alma dela era mais pura e bondosa.


Tem poucos capítulos narrados sobre o que aconteceu a três mil anos atrás, tão pouco que acho que a autora estava com pressa de terminar esse livro. A muitas coisas que a Lilith e Cam citam como o primeiro beijo em tal lugar, mas essa cena não é mostrada, como eles decidiram se casar também não é mostrado, ou seja, a autora foi pulando partes que seria super legal saber como aconteceu. Ela simplesmente foi pulando tanta coisa que para resumir tudo que aconteceu três mil anos atrás, e o motivo do porque Lilith tem tanto ódio, ela apenas usou quatro ou cinco capítulos narrando o passado de Cam e Lilith. Vinte capítulos e só quatro ou cinco são narrados explicando o passado deles... Então para mim faltou coisas!


O final também me deixou angustiada, não foi um final ruim, mas eu esperava mais. 

Para aqueles que querem saber se em algum momento do livro aparece Luce e Daniel: Não! Eles são mencionados sim, felizmente não muitas vezes. Mas os dois foram a inspiração de Cam para lutar por seu amor, então a momentos que ele mesmo cita os dois casais. 



2 comentários:

  1. Oi Beatriz!
    Senti a mesma coisa co relação a personalidade de Cam e que algumas coisas mereciam ser melhor abordadas. Mas como fã da série, eu gostei bastante e foi bom reencontrar com os personagens e esse enredo que tanto gosto.
    Parabéns pela resenha =)
    Beijos!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anjo! Obrigada!
      Também amei reencontrar com os personagens e fiquei feliz pela autora ter criado algo para Cam porque o final dele em Êxtase foi bem triste e vago. Mas mesmo tendo criando um livro só dele achei que faltou criatividade para a autora fazer algo novo.

      Bjs!

      Excluir

Image Map
©MY SECRET BOOKS 2015 ♥TODOS OS DIREITOS RESERVADOS ♥ DESIGN E ILUSTRAÇÃO POR TALITA THOMAZ♥TECNOLOGIA DO BLOGGER.